quarta-feira, 2 de agosto de 2017

IRRESPONSABILIDADE DAS EMPRESAS DE APLICATIVO DE MOTOFRETE TRAZEM GRANDES PROBLEMAS PARA MOTOCICLISTAS PROFISSIONAIS


OS MOTOBOYS que trabalham nas empresas de app querem que elas parem de diminuir o valor da ENTREGA - corrida (começou com R$ 22,00 e agora vai para cerca de R$ 12,00, além de não mais precarizem as relações de trabalho e que respeitem os profissionais motociclistas. 

As empresas de app no motofrete estão promovendo:

- A quebra do mercado devido a concorrência desleal com preço menor que as empresas convencionais de motofrete, que não tem como concorrer com valores tão baixos. As empresas convencionais ainda são obrigadas a pagar impostos que as de app não pagam.

- A falência de milhares de empresas de motofrete convencional em todo Brasil.

- O desemprego de milhares de motoboys em todo Brasil.

- O monopólio no setor (o que é proibido pelo CADE).

O SindimotoSP NÃO É CONTRA AS PLATAFORMAS DIGITAIS, MAS é solidário ao movimento e entende a gravidade da situação, tanto que já denunciou as empresas de aplicativo para o Ministério Público do Trabalho (MPT) e Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que estão investigando essas empresas. Inclusive, a investigação se dá na Receita Federal por suposta sonegação de impostos.

Para tomar uma atitude mais enérgica, o SindimotoSP aguarda o parecer do MPT e MTE. Porém, o SindimotoSP entende que o caminho é a REGULAMENTAÇÃO desse setor e que as empresas de aplicativo desçam do muro e reconheçam os motociclistas profissionais como trabalhadores e não MEIs.

LEIA MAIS AQUI.


Nenhum comentário:

Postar um comentário