quarta-feira, 7 de junho de 2017

SindimotoSP quer aposentadoria especial para motociclista profissional

Aproveitando mudanças que ocorrerão na aposentadoria, o presidente Gil quer incluir os motocas na especial pelo fato deles já receberem à periculosidade. Outras categorias tiveram que lutar para também obter o benefício garantido por lei. Gil também quer que o pagamento da periculosidade seja estendido a todos motociclistas que exercem atividades com motocicleta conforme Lei Federal 12997


Em reunião na Sala da Secretaria Executiva do Ministério do Trabalho e Emprego - Distrito Federal - o SindimotoSP e outros sindicatos de motofrete bateram de frente com empresários e governo federal e defenderam pagamento integral para os motociclistas que exercem atividade profissional com motocicleta.



Em outra reunião, quando os empresários  tentaram limitar o pagamento, o SindimotoSP e outros sindicatos de motofrete do Brasil também disseram não e se posicionaram contra à proposta que, agora tem uma que pode fechar a questão em reunião dia 5 de julho.






Nenhum comentário:

Postar um comentário