terça-feira, 2 de maio de 2017

Reunimos 5 mil motociclistas profissionais na greve geral de 28/4/2017

Para dizer não as reformas trabalhistas e previdenciárias que o governo federal quer empurrar "goela abaixo" para todos os trabalhadores brasileiros, as Centrais Sindicais realizaram grande ato no dia 28/4/2017 (sexta-feira) em todo Brasil. Em São Paulo, o SindimotoSP com apoio irrestrito da UGT, também participou e levou quase 5 mil motociclistas para às ruas no pico do ato. A concentração começou na sede do SindimotoSP para, em seguida, a manifestação passar pelas principais vias de SP terminando na frente da sede da UGT. O SindimotoSP entende que as mudanças prejudicam o trabalhador motociclista e pretende participar de mais atos como esses.














"O Governo Federal  não pode fazer o que deseja e não querer dialogar com os maiores prejudicados: o trabalhador brasileiro. Não vamos aceitar e creio que todos, juntos, podemos fazer a diferença."
Gil - presidente SindimotoSP

"Esta manifestação tem como objetivo único e concreto a defesa dos direitos da classe trabalhadora. A população está descontente com este verdadeiro massacre aos direitos sociais pretendido pelas propostas de reformas. O governo não vem fazendo seu dever de casa para superar a crise política e econômica do Brasil. Temos que protestar, pois não aceitaremos nenhum direito a menos”.
Ricardo Patah presidente nacional da UGT

“É importante mostrar que a UGT agrega as principais categorias de trabalho, sem as quais o País pararia. São Paulo, por exemplo, não funcionaria sem os motoboys. São eles que transportam 3,5 milhões de correspondências na cidade por dia, atendendo todo o setor produtivo."
Canindé Pegado - secretário Geral da Central

Também participaram do ato, presidentes e representantes de sindicatos de diversas categorias, como Padeiros, Siemaco, SINCAB, Sinthoresp, Comerciários de São Paulo e Franco da Rocha, Fecomerciários, Coletores, entre outros.

Veja aqui mais imagens da manifestação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário