sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

SindimotoSP esteve em Brasília para discutir alterações na Periculosidade



O presidente Gil foi à Brasilia para a 3ª reunião do grupo tripartite que está definindo o novo texto de pagamento da Periculosidade. Na ocasião, o presidente Gil rechaçou veementemente a proposta dos empresários que desejam limitar o pagamento do benefício com regras absurdas, porém, aceitou, em conjunto com outros sindicalistas presentes, a proposta do Governo Federal (conforme pauta abaixo) com exceção dos itens D e E do Artigo 3.

Para o presidente do SindimotoSP, a Lei 12997 é clara e deve ser obedecida, além de não falar de tempo de exposição ou uso eventual da motocicleta. Caso desejem mudanças, tanto Governo Federal, quanto empresários, terão que mudar a lei no Congresso Federal.

Nova reunião está marcada para 30 de março e o SindimotoSP continuará batendo de frente com quem deseja tirar os direitos dos trabalhadores.

Estavam presentes, além de autoridades e empresários, os representantes das seguintes Centrais Sindicais: Gil, de São Paulo (UGT), Luis Carlos, de Brasília (Nova Central), Nonato, do Pará (Força Sindical), Pedro Mourão, do Acre (CSB) e Valter, do Rio Grande do Sul ( Força Sindical), além do Dr Alex Silva (Departamento Jurídico SindimotoSP). Todos são contras as mudanças e estão se empenhando em seus estados para garantir os diretos dos motofretistas em todo Brasil.








Nenhum comentário:

Postar um comentário