terça-feira, 29 de novembro de 2016

Rodar com moto no corredor pode ser relativamente seguro, diz estudo

Pesquisa nos EUA aponta que reduzir a velocidade nos corredores entre os carros aumenta segurança. De 6 mil acidentes com motos analisados, apenas 997 ocorreram no corredor. A Universidade de Berkeley, Califórnia, apontou que rodar com motos no corredor, entre duas faixas de trânsito, pode ser relativamente seguro e com menor probabilidade de ferimentos ao usuário.

Segundo o estudo, comparado aos outros usuários de motos, os motociclistas que se acidentam nos corredores têm menores chances de sofrer ferimentos na cabeça (9% contra 17%) e no torso (19% contra 29%). Além disso, também há menor risco de um acidente fatal, com 1,2% para os acidentes no corredor, frente a 3% para aqueles que não estavam no corredor.

Por isso que lá, trafegar em corredor foi permitido e liberado. Aqui no Brasil, na contra mão de tendências mundiais, em vez de educar ou oferecer sinalização de solo adequada, faixas exclusivas, os deputados federais estão tentando aprovar lei que proibirá a circulação de motos nos corredores.

O SindimotoSP já se colocou contra e chama os motociclistas de todo Brasil para reivindicar o direito de ir e vir, além de lutar contra a extinção da profissão de motociclista profissional, caso a lei seja aprovada.

Em breve divulgaremos onde será a AUDIÊNCIA PÚBLICA que falará sobre o assunto.

Leia mais aqui e aqui.

Envie sua sugestão aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário