segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Multas de moto crescem três vezes na capital paulista. A CET aplicou mais de 5,2 milhões de multas de trânsito na capital paulista nos quatro primeiros meses de 2016. Dessas, 276.759 multas foram aplicadas em motociclistas.

As médias durante os anos foram as seguintes:

Em 2013: 26,9 mil
Em 2014: 27,9 mil
Em 2015: 37,1 mil
Em 2016: 70,0 mil

A média mensal de 2016 tem como base as mais de 270 mil multas aplicadas entre janeiro e abril desse ano. A gestão Haddad investiu pesado na compra de radares e colocou, inclusive, a Guarda Civil Metropolitana para multar motociclistas

Portanto motoca, evite multas:

1) Ao circular nas vias públicas utilize capacete com viseira ou óculos protetores. Garupas também devem seguir essas normas. Empinar moto também está nesse grupo. Ande somente com o farol aceso. Não transporte criança menor de sete anos ou que não tenha condições de cuidar de sua própria segurança. Essas infrações são as mais comuns, por incrível que pareça, e são de nível gravíssima com multa de R$ 191,54 e suspensão do direito de dirigir.

2) Não reboque outros veículos e não dirija sem segurar o guidom com ambas as mãos. Essas infrações são de nível grave, com multa de R$ 127,69.

A partir de novembro de 2016, OS VALORES DE MULTA serão reajustados em todo o Brasil. As leves serão de R$ 88,38, enquanto as médias, de R$ 130,16. Para autuações graves, a punição chega a R$ 195,23 e, para as gravíssimas, a R$ 293,47. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário