segunda-feira, 4 de abril de 2016

Haddad não consegue aumentar fluidez de ônibus em SP. Mesmo retirando motofaixas, priorizando ciclovias, aumentando radares e outras ações que não ajudam motociclistas, ideia deu errado. Quem paga? Motociclistas!

Assim como outras ações da administração, essa não atingiu o objetivo. Parece que a frase dita lá em Brasília... "não vamos fixar metas, mas caminhar até atingi-las e quando chegarmos lá, vamos dobrar a meta", faz todo sentido para quem não consegue administrar nem o que recebe do povo.
Acorda São Paulo!







Nenhum comentário:

Postar um comentário