quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Olá motociclistas profissionais, eu e minha diretoria estivemos com Dr Luiz Claudio Marcolin, que é o novo Superintendente Regional do Trabalho e Emprego de São Paulo, para reivindicar direitos de vocês.

Nessa reunião reivindicamos a formalização de empregos no regime celetista, mais segurança do profissional na execução de seu ofício, cursos gratuitos 30 horas obrigatório do Contran (via governo federa), obrigatoriedade do uso de equipamentos de segurança e o pagamento da periculosidade para todos motociclistas profissionais, além da regulamentação das empresas de aplicativos que atuam no setor de motofrete e estão precarizando as relações trabalhistas, assim como deixando de pagar direitos conquistados em Convenções Coletivas homologadas pelo Ministério do Trabalho.

Essa reunião retoma as ações discutidas em Grupo de Trabalho Federal que tem o aval do Ministério do Trabalho e Previdência Social, através do próprio ministro Miguel Rossetto, que escalou pessoalmente o secretário Nacional do Trabalho José Feijóo, para acompanhar os trabalhos e buscar soluções rápidas junto ao Governo Federal.

Leia mais aqui.

Um forte abraço a todos
Gilberto Almeida dos Santos (Gil) - presidente do SindimotoSP

Abaixo, imagens do encontro.








Nenhum comentário:

Postar um comentário