quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Retrospectiva 2015: Apesar da crise, SindimotoSP fecha o ano com grandes conquistas e boas perspectivas para 2016

O sindicato dos motociclistas profissionais do Estado de São Paulo, presidido pelo companheiro Gil, termina o ano de 2015 com convenções coletivas mais fortes. Também conseguiu, junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, Portaria Federal que regularizou o pagamento da periculosidade. Se em termos de melhora de vida com garantia de direitos e reajustes salariais, o SindimotoSP também montou agenda positiva com os poderes públicos e fez gestões que resultaram em melhora na qualidade de vida dos motociclistas profissionais.

Insatisfação do SindimotoSP, porém, ficou com o descaso da prefeitura de São Paulo que nada fez pelos 220 mil motociclistas da capital, retirando motofaixas e nada fazendo pelo trabalhador do setor. Outras manifestações, como a que ocorreu em agosto e reuniu quase 8 mil motociclistas, não estão descartadas em 2016. 

Motociclistas compareceram em peso e mostraram para à prefeitura de SP que não são invisíveis.

Ato pacífico passou pelo centro da cidade, chegou ao prédio da prefeitura e depois foi à Câmara dos Vereadores.

Concentração começou por volta das 15 horas, seguiu durante toda a tarde e encerrou-se a noite em ato de repúdio contra falta de políticas públicas para motociclistas da capital


Veja mais imagens aqui.

Leia mais sobre o assunto aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário