sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Motocicleta é solução... não problema!

Agilidade associada à liberdade são os dois fatores que fizeram que a frota de motocicletas aumentasse consideravelmente nos últimos anos. Porém, esse crescimento também trouxe significativo aumento de acidentes envolvendo motociclistas. Só na capital, 1793 motociclistas perderam a vida entre 2011 e 2014. 

Para não ser estatística, alguns cuidados mínimos como os descritos abaixo podem fazer grande diferença no exercício de sua profissão como motociclista profissional ou simplesmente, usar a moto como meio de locomoção na cidade.

  • Evite andar na direita da rua, cuidado com sarjetas e o meio-fio;
  • Certifique-se de que o motorista lhe viu antes da ultrapassagem;
  • Mantenha distância do veículo tanto de lado quanto a frente ou atrás;
  • Sinalize absolutamente tudo que fizer e não aja com imprudência;
  • Tenha paciência e reconheça suas limitações e as dos motoristas;
  • Nunca atenda o celular quando a motocicleta estiver em movimento;
  • Se estiver rodando, capacete deve estar fixo na cabeça e viseira abaixada;
  • Use equipamentos obrigatórios da motocicleta e EPI, se for o caso;
  • Não consuma álcool ou qualquer tipo de droga que altere sua percepção;
  • Pilote defensivamente, faça cursos de qualificação ou de aperfeiçoamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário