sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Horário de verão começa domingo dia 18 e vai até 21 de fevereiro de 2016. Leia mais e veja curiosidades sobre o assunto.

Objetivo da medida, segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), é a redução da demanda no período de pico, entre as 18h e as 21h. A estratégia é aproveitar a intensificação da luz natural ao longo do dia durante o verão para reduzir o gasto de energia.


Dados do Ministério de Minas e Energia (MME), dizem que o horário de verão representa uma redução da demanda de 4% a 5% e poupa o país de sofrer as consequências da sobrecarga na rede durante a estação mais quente do ano, onde o uso de eletricidade para refrigeração, condicionamento de ar e ventilação atinge o pico.

CURIOSIDADES SOBRE O HORÁRIO DE VERÃO

- Foi ideia do norte-americano Benjamin Franklin, em 1784, para economizar velas. No entanto, só foi levada a sério mais de um século depois, durante a I Guerra Mundial. A Alemanha, em 1916, foi o primeiro país a adotar a medida.

- No Brasil, entrou em vigor pela primeira vez entre 3 de outubro de 1931 e 31 de março de 1932, por iniciativa do então presidente Getúlio Vargas. Chamava-se "Horário de Economia de Luz no Verão", e englobava todo o território nacional.

- Inicia-se tradicionalmente na segunda quinzena de outubro. No entanto, em 2006, o 2º turno das eleições presidenciais fez com que o Horário de Verão "atrasasse" 3 semanas, começando no dia 5 de novembro. Motivo: medo de que provocasse problemas no funcionamento das urnas eletrônicas.

- Começa aos domingos (dia não útil), para que a população consiga ajustar seu relógio biológico.

- Não é adotado pelas regiões Norte e Nordeste. Isso acontece porque elas ficam mais próximas da Linha do Equador, onde os dias e as noites têm a mesma duração ao longo do ano. Assim, adiantar os relógios em 1 hora traria uma economia pouco significativa. A programação da televisão brasileira, no entanto, é adiantada em 1 hora nesses estados, já que segue o horário de Brasília.

- Cerca de 30 países são adeptos. Grande parte deles está no hemisfério Norte, onde, no verão, o sol costuma se pôr mais tarde. Nesses países, adiantar os relógios em 1 hora faz uma grande diferença na economia de energia, já que permite luz solar até perto das 22h.


Nenhum comentário:

Postar um comentário