segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Transitar no corredor de ônibus vira infração gravíssima, motociclista pode ter moto apreendida e, ainda, 7 pontos na CNH.

A presidente Dilma Roussef sancionou alterações no Código Brasileiro de Trânsito (CTB), que a partir de sexta-feira passou a considerar infração gravíssima transitar em faixas e vias exclusivas de ônibus no Brasil. A multa é de R$ 191,54. A mudança vale tanto para os corredores à esquerda, quanto para faixas exclusivas à direita. A justificativa é que as multas por invasão às faixas exclusivas cresceram mais de 60%.

Só em São Paulo, a CET aplicou mais de 10 milhões de multas no ano passado, tendo por invasão de faixas exclusivas e corredores de ônibus, a segunda maior quantidade, perdendo apenas para excesso de velocidade.

Arrecadação

Segundo a Secretaria Municipal de Transportes (SMT), a arrecadação com multas de trânsito em 2014 foi de R$ 852,6 milhões, pouco mais do que os R$ 850,5 milhões arrecadados em 2013. Do total arrecadado, 5%, segundo a prefeitura da capital, foi destinado ao Fundo Nacional de Segurança e Educação de Trânsito (Funset).

Radares

Em março do ano passado, a prefeitura contratou sistema de radares para à cidade, que prevê aumento no total de aparelhos para 843. A instalação já começou e será concluída neste ano, tendo 18 instalados nas Marginais Tietê e Pinheiros.



Infração
Multas 2014
em R$
Rodízio
1.989.444
Velocidade
3.137.072
Transitar na faixa exclusiva / corredores
1.209.571
Estacionamento irregular
1.095.798
Telefone celular
382.803
Avançar semáforo
182.544

Nenhum comentário:

Postar um comentário