quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Regulamentação motofrete no Estado de SP

O SindimotoSP, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo e o Detran estiveram em reunião para tratar de assuntos referentes ao  motofrete no estado paulista. 

Os assuntos tratados foram a oferta de 25 mil cursos de 30 horas gratuitos para o motofretistas, campanhas educativas e mais fóruns metropolitanos para incentivar à regulamentação do setor. O Secretário titular da pasta, Julio Semeghini, abriu à reunião.

Gilberto Almeida dos Santos, o Gil, presidente do SindimotoSP, falou sobre as dificuldades enfrentadas pelo setor. Na ocasião, pediu também uma parceria com o Banco do Povo Paulista através de um posto na sede da entidade, para empréstimos na compra de moto padronizada.

O diretor Presidente do Detran, Daniel Annenberg, adiantou que uma taxa para a regulamentação do motofretista poderá ser extinta, e que eventos para incentivar a regulamentação já estão sendo organizados.

Categoria, em peso, sempre participa das ações do SindimotoSP.

Na reunião que ocorreu, estavam presentes: Julio Semeghini - secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Daniel Annenberg - diretor Presidente Detran, Yara Marques e Glayd Lopes - gerência de Credenciamento do Detran, Claudia Jardim - assessoria de imprensa Detran, Pedro Henrique Giocondo Guerra - assessor do governador de São Paulo, Gilberto Almeida Santos - presidente do SindimotoSP, Rodrigo Silva - consultor do DNP, Marcus Vinicius - assessor do secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional e Flavia Goiriz - assessoria de imprensa da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário